BREVES PALAVRAS

"Mensagem à Humanidade" resultou de um momento de meditação no silêncio do meu quarto há vários anos atrás. Senti depois grande necessidade de escrever algo sobre o que se passa no Mundo e o futuro da Humanidade.  

Gravei tudo numa cassete da qual fiz algumas cópias e ofereci a várias pessoas do meu circulo de relações, tendo uma delas sugerido que eu devia fazer chegar a Mensagem ás Nações Unidas.  Na altura achei que meu amigo (ex-Comandante da Marinha Mercante) estava a exagerar, mas alguns anos depois quando foi nomeado um português para o cargo de Presidente da Assembleia-Geral das Nações Unidas (o Prof. Diogo Freitas do Amaral), senti que tinha chegado o momento certo de enviar minha mensagem para ele.

Assim, no dia 21-Dez-95 enviei ao então Presidente da 50ª Assembleia Geral das N.U. a minha missiva sem esperar que ele me respondesse, mas um mês depois (em Jan/96) recebi uma carta de Nova Yorque de sua Assessora dizendo que o sr. Presidente tinha tomado da Mensagem a "devida nota", facto que me sensibilizou bastante.

Mais tarde, no ano 2000, fiz chegar a mesma Mensagem a várias entidades políticas e religiosas do meu país (Portugal) e hoje tenho neste meu site pessoal com o propósito de dar a conhecer algo em que acredito para um Mundo Novo e uma Nova Era Universal. Aqui ficam:

Parte I -  Sinais Evidentes...

 

Parte II - Um Mundo Novo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Voltar